domingo, 1 de maio de 2011

O retorno dos dragões

Alguns de nós já havíamos sido dragões num passado remoto, mas na reunião onde soubemos desse detalhe alguns membros do grupo não estavam e não nos foi mostrado nada relativo a eles. Na reunião seguinte em que eles compareceram, resolvemos efetuar uma averiguação para ver se estes tbm foram seres mitológicos assim como nós.

Logo que sintonizaram com essa questão, os dois médiuns se viram num local desértico. Uma das médiuns se viu como um enorme dragão e o outro médium se viu dentro de um ovo enorme. Pedi à medíum dragão que olhasse ao redor e ela então viu um ovo perto dela, pedi que fosse até ele e começasse a quebrá-lo. O médium que estava dentro do ovo viu as enormes garras do dragão quebrando a casca do ovo em que ele estava.

O curioso é que o médium que estava no ovo não tinha uma forma de dragão, embora tudo indicasse se tratar de um filhote, uma cria de dragão. A aparência dele era como a do "Smeagol" do filme O Senhor dos Anéis (vide figura abaixo):
Fiz o tempo acelerar para ver como ele ficaria depois de "adulto" e vimos que à medida que ele ia crescendo ia se transformando, os braços cresceram desproporcionalmente maiores do que o corpo, até ele se transformar completamente num dragão.

Logo que ele chegou na idade adulta ambos os médiuns foram transportados para uma caaverna muito escura. Até então estávamos explorando as memórias conjuntas de ambos os médiuns mas no momento em que os dois estavam como dragões, eles abriram aquela frequência vibratória da vida passada deles e foram transportados, dentro dessa frequência, para esta caverna, pelos motivos que veremos a seguir.

Dentro dessa caverna havia um ser, um mago. Era um espírito que mantinha essa forma há muitos milênios, muito anterior aos tempos da Atlântida, e que havia desenvolvido um processo para criar dragões.

Não vamos detalhar o processo mas podemos dizer que envolvia a morte de uma pessoa e o aprisionamento de seu espírito junto a restos de ovos de dragões, sedo que ele "nascia" no astral em um ovo e se transformava em um dragão. Me parece que o processo permitia que esse dragão se materializasse aqui no plano físico eventualmente, como uma espécie de agênere.

Este mago era muito forte e nem os médiuns nem os membros da nossa equipe espiritual estavam conseguindo acesso a mente dele, mas perebemos que ele ocultava algo que temia que descobríssemos. Eu me transfomei então em um dragão e me posicionei à frente do mago. Da minha cabeça saiu um raio de luz branca que se chocou no ar raio de luz azul que saiu da cabeça dele.

No ponto onde esses raios de luz colidiram, o raio de luz azul que foi emitido pela mente do mago foi desviado para baixo, e nossa equipe espiritual havia colocado um recipiente em forma de pirâmide para aprisiná-lo. É provável que o corpo com o qual ele se mostrava fosse um artificial e que essa luz azul fosse de fato seu corpo mental. Esse ser provavelment foi/é um dragão mas só o que resta atualmente é sua mente que, apesar de poderosa, talvez não possa se expressar como gostaria aqui no plano físico por não possuir sua forma original.


O segredo que ele temia que descobríssemos era que há cientistas aqui no plano físico que estão tentando recriar dragões, através da engenharia genética, e que seres como ele estão os inspirando. Creio que é uma tentativa desses seres, os dragões, de voltarem a atuar na dimensão física.  Penso que, neste caso, não se trata de se os cientistas irão conseguir, mas sim de quando, pois foi mostrada a um dos médiuns uma visão do futuro da Terra com dragões voando pelos céus...


Gelson Celistre.

4 comentários:

  1. Em primeiro quero elogiar o trabalho, principalmente o ato de partilhar as informações.

    Tenho uma curiosidade sobre o post apresentado, quando vc diz: "Alguns de nós já havíamos sido dragões num passado remoto...."

    Tem a ver com REPTILIANOS ?

    Independente da resposta, gostaria de saber sua opnião sobre essa linhagem reptiliana que nós, seres humanos "supostamente" herdamos. Creio que é um tema interessante para todos partilharem e esclarecerem.

    paz e Luz

    ResponderExcluir
  2. Oi,

    Lendo os demais posts sobre os dragões vc vai entender. Fomos seres que tinham a aparência dos dragões mitológicos.
    Já nos deparamos com vários seres com a aparência que vc descreve e chama de reptilianos e geralmente são asseclas da classe (social) que se denomina tbm de "dragões", só que esses possuem aparÊncia humanóide, pele esverdeada e escamosa, garras, etc. Em alguns posts relatamos nossos encontros com esses seres.
    Abraço.

    ResponderExcluir
  3. Gelson,

    Os Dragões não são seres vindos de outra orbe??

    ResponderExcluir
  4. Gelson

    Obrigado pelos esclarecimentos, mais uma vez parabéns pelo trabalho (mas eu gostava do blog antes com fundo bege !) rsrs

    abraços !

    ResponderExcluir