quarta-feira, 18 de abril de 2012

Os canibais de Pernambuco - Parte 2/2

Leia antes Os canibais de Pernambuco - Parte 1 

Portugal, 1836

O trio agora vive num convento, sendo que a velha bruxa é a madre superiora, o carrasco é um padre, e a irmã dele é uma noviça. O padre abusa sexualmente das noviças com a conivência da madre superiora. Várias das noviças acabam engravidando e a madre provoca aborto em todas, jogando os fetos num poço seco existente na área do convento. Várias dezenas de fetos foram abortados.

As noviças após serem violentadas e terem de abortar, são tratadas como animais pela madre, que as prende num porão até a morte e as trata como criminosas. Algumas chegaram a ter os bebês, ocultando a gravidez da madre, mas após o nascimento esses bebês tiveram o mesmo fim dos fetos, foram jogados no poço e morreram.

No astral ainda existia o convento, com a maioria das noviças presas e as crianças abortadas tbm. O trio de canibais tbm estava desdobrado lá em plena atividade, com o padre abusando das noviças e a madre as torturando por serem impuras. Após resgatarmos os espíritos dessa frequência e destruirmos o local, apagamos a mente do trio e os enviamos de volta aos seus corpos físicos.

Espanha, 1901

Encontramos a bruxa agora numa floresta. Ela está agachada enterrando algo num pequeno buraco no chão. É o corpo de um bebê com a pele escura e arroxeada, já entrando em estado de putrefação. Enquanto ela termina de fazer isso um homem se aproxima dela com outro bebê, só que este ainda está vivo, apesar de estar desacordado.

A bruxa utiliza o sangue dos bebês para fazer uma poção que ela acredita mantê-la jovem e cheia de vitalidade. Uma menina de uns 8 anos de idade se aproxima dos dois e segura na mão da bruxa. É o trio reunido novamente, o casal e a amante. A menina é filha dos dois e será a sucessora da bruxa.

Havia vários espíritos ligados aos bebês que ela matou naquela existência, ainda presos nessa frequência. Efetuamos o resgate e o trio desdobrado foi encaminhado aos seus corpos físicos, após apagarmos de suas mentes essa frequência.

Alemanha, 1942

A bruxa na Alemanha foi um oficial da SS (Schutzstaffel) nazista e fez vários experimentos "médicos", embora não fosse um profissional da área de medicina. Num dos campos de concentração onde fez experiências genéticas ela teve como auxiliar um sargento muito dedicado (o carrasco), que era encarregado entre outras coisas de torturar os prisioneiros, e um jovem soldado (a moça).
Rudolf Brandt, oficial da SS nazista

Esse campo de concentração só tinha mulheres (Ravensbrück) e o oficial matou muitas delas com suas "experiências". Na verdade esse oficial nazista não era médico, era advogado e foi chefe do escritório e assistente pessoal de Heinrich Himmler, comandante supremo da SS nazista.

O oficial nazista foi preso no final da 2ª Guerra e julgado em Nuremberg no Processo contra os Médicos. Entretanto, aquilo de que foi acusado no tribunal de Nuremberg é uma parte ínfima das atrocidades que ele realmente cometeu e que não chegaram ao conhecimento das autoridades. Seu nome era Rudolf Brandt e foi enforcado em 1948.

Uma das preocupações do oficial nazista era em esterilizar as mulheres prisioneiras, pois ele pensa que "é preciso conter a proliferação dessa raça que nem deveria existir (judeus)" - nas palavras dele. Eles colocam uma mulher numa cama com as pernas abertas e erguidas, e o tal oficial enfia sua mão na vagina dela, segurando um bisturi, e faz alguns cortes no interior da mulher, arrancando praticamente todo o sistema reprodutor dela, que retira com a mão: útero, trompas, etc. Isso tudo sem anestesia...

Os órgãos internos das mulheres eram jogados aos cães. Recolhemos as vítimas desses experimentos e nossa equipe espiritual as levou para tratamento em hospitais do astral. O trio de canibais estava desdobrado nessa frequência, no campo de concentração que ficou plasmado na dimensão astral, e continuava com suas atividades. Eles tiveram sua memória relativa a essa existência apagada e foram encaminhados aos seus corpos físicos.

O local não foi destruído nesse momento pq estava ligado a vários outros campos de concentração nazistas que ainda existiam no astral, bem como vários cientistas nazistas que estão reencarnados aqui no Brasil, e iríamos usar essa ligação para encontrar esses campos e cientistas e resgatar os espíritos aprisionados.  Estes procedimentos já foram efetuados mas não tem ligação direta com o caso dos canibais e por isso não vamos relatar aqui.

Final

Pelas últimas quatro vidas passadas do trio de canibais, que possuem uma forte ligação e cumplicidade entre si, percebemos que se trata de espíritos embrutecidos e cristalizados no mal, que não respeitam minimamente seu semelhante. A predileção do grupo em matar mulheres tem relação com a idéia da mulher mais velha, que na vida como madre sentia prazer em torturar as noviças e em fazer abortos nelas. Essa psicose se fortaleceu na vida passada como nazista e parece ter agido como motivação incosciente dela na vida atual.

O homem afirmou ouvir vozes de "um anjo" e um "querubin" que lhe diziam o que fazer, e de fato ele ouvia. Ele possui mediunidade e ele ouvia a própria mulher, desdobrada nas frequências onde era bruxa e oficial nazista. Esta frequência, apesar de estar mais "ativa" no incosnciente do trio, mantinha abertas as demais, principalmente a da vida passada onde foram nazistas.

A tal seita chamada "Cartel" supostamente é anticapitalista, antissemita e contra a procriação, fazendo rituais onde sacrificam mulheres com o "útero maldito". A ligação entre os propósitos da tal seita e as idéias e práticas nazistas do trio na encarnação passada é evidente.

Abraço.

Gelson Celistre

4 comentários:

  1. PERGUNTO POR QUE A PROVIDENCIA DIVINA, HAVERIA DE PERMITIR TAIS ESPIRITOS DE REENCARNAREM?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Porque todos os espíritos tem que evoluir. Muito embora uns tenham conseguido evoluir pouco ainda, esse é o caminho de todos os espíritos. Como poderia Deus ser onipotente se não desse a mesma "oportunidade" de evolução a todos os espíritos?

      Excluir
  2. NOSSA, MUNDO NOVO, ISSO TAMBÉM É O QUE ME PERGUNTO, ESTES SERES ABOMINÁVEIS POR MAIS QUE NOSSO PLANETA SEJA DE PROVA E EXPIAÇÕES NÃO MERECEM VIVER AQUI, AINDA MAIS,QUE SEJA PERMITIDO QUE POR QUATRO ENCARNAÇÕES SEGUIDAS AJAM NO MAL ENQUANTO MILHARES DE SERES ARREPENDIDOS TENTAM UMA REENCARNAÇAO DE REGENERAÇÃO, É TRISTE VIU, REALMENTE NÃO ENTENDO O MUNDO ESPIRITUAL, SEI QUE A REENCANÃÇÃO DESSES SERES FOI PLANEJADA NAS TREVAS, MAS MESMO ASSIM.CHEGO A CONCLUSÃO QUE ATÉ O HITLER PODE ESTAR REENCARNADO DE NOVO AQUI SÓ ESPERANDO UMA NOVA CHANCE DE PROLIFERAR O MAL.AFF.É REALMENTE TRISTE.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. E como afirmar que eles não "merecem" viver aqui? Quem nos garante que nós também no passado já não cometemos atos semelhantes ou até piores? Quanto a "permissão", acho que não é algo a ser questionado por nós, pq se Deus assim "permitiu", quem somos pra questionar? E no mas, não devemos nos esquecer que ninguém sofre em vão, sem o devido "merecimento". Os que hoje são vítimas com certeza outrora foram algozes.

      Excluir