quarta-feira, 11 de abril de 2012

O rei-mago

Sempre que vamos ministrar um curso de apometria as trevas se mobilizam para nos perturbar e tentar nos dissuadir de nosso intento. Como já estivemos no lado negro, e por bastante tempo, temos inúmeros conhecidos por lá e nessas horas eles acabam aparecendo, aliciados pelas entidades mais diretamente interessadas em boicotar nosso trabalho.


Antes de ministrarmos o Curso de Apometria em Frutal, no mês passado, entre vários ataques que sofremos, um deles foi bastante curioso. Sofri alguns acidentes domésticos que felizmente não tiveram maior gravidade mas que tinham potencial para provocar danos maiores. Resolvemos investigar e um ser se manifestou através de uma das médiuns dizendo:

- Você irá se arrepender de muita coisa que já fez no passado se fizer algo que está pretendendo agora! É um caminho sem volta pra vc e depois de nada vai adiantar lamentar!

- Aham, respondi;

- Isso que aconteceu aí é só o começo, fique tranquilo que tem muito mais pra vc! Coisas que vc nem pode imaginar ser possivel de acontecer! 

Os médiuns não conseguiam ver o ser, apenas escutá-lo e senti-lo. A energia dele era muito densa e emanava uma frieza emocional muito grande. Passou a impressão de ser muito meticuloso e calculista, como se de alguma forma ele conseguisse saber exatamente nossas reações ao que ele faz. Uma das médiuns teve a sensação de que para ele se tratava de um jogo de xadrez que ele pretendia ganhar me aplicando um xeque-mate.

Nesse instante outra médium sentiu-se num imenso vazio, sentiu muita dor nas mãos, e começou a ver um enorme tabuleiro de xadrez, onde as peças eram pessoas próximas a mim, aprisionadas em desdobramento. Estavam lá minha mãe, esposa e filhos, entre outros. A movimentação de uma das peças lá no astral provocava efeitos nela aqui no plano físico, coisas como dores diversas, irritação, mal-estar, etc.

No passado eu e este ser já nos enfrentamos dessa forma, medindo forças e manipulando pessoas como se fossem peças de um jogo de xadrez. Agora ele retornou para me desafiar a uma nova partida, só que dessa vez, por efeitos kármicos, pessoas próximas a mim estão sendo manipuladas para me prejudicar ou me intimidar de alguma forma. Todos temos que enfrentar o resultado de nossas ações e não nos esquivamos de nossos próprios resgates, sendo assim, efetuamos nosso primeiro lance na partida.

Disse à médium que estava vendo o tabuleiro para irmos atrás dele logo para resolver a questão, ao que ele novamente se manifestou por outra médium dizendo:

- Porque a pressa???? O medo está tão grande assim??? Vc já se esqueceu das regras do jogo????

- Nossa, nunca senti tanto medo!, respondi ironicamente;

- Não é assim que funciona... O jogo já começou e vc não tem mais como sair e vc devia se lembrar disso...  No jogo existem regras que vc não pode fugir e te garanto que dessa vez não vai ser fácil como talvez vc pense...

- Logo vc vai estar preso!

- Pense o que quiser, pouco me importo, o jogo já começou e agora vc faz parte dele.. Isso é real... O resto pense como quiser....Devia tentar se lembrar como funciona, afinal de contas vc já fez isso várias vezes... Pode achar loucura agora, mas não em outras épocas, onde vc sentia muito prazer em jogar...

- O pior é que toda vez tenho que explicar para vcs que eu estou encarnado e não lembro do passado.

- Pior pra vc e melhor pra mim....rsrsrs, e vai ter que aceitar isso... Mas te digo que é "divertido" ver vc completamente perdido no jogo.... por realmente não se lembra como funciona... rsrsrs

- Aham, deve ser mesmo.

- Mas não pense vc que por conta de vc não se lembrar, que eu te darei alguma chance, pq não darei...

- Bem, a médium viu um tabuleiro enorme aí, e vc é um jogador. Se fosse um jogo de xadrez que peça vc seria?

- Sou quem comanda o jogo, pq pensa que estou no tabuleiro????

- Mas se quer jogar se identifique com uma peça.

- Não sabe como funciona o jogo????

- Estou levando o jogo para um outro nível agora.

- E quem disse que vc pode mudar algo no jogo??????? Pq pensa que pode fazer isso??? rsrsrs

- Vc agora vai ser uma peça no tabuleiro e já que é o líder de seu grupo vc vai ser o rei!

- Não é assim que funciona e vc sabe bem disso...

- Vc vai ficar preso no tabuleiro de xadrez onde só pode se mover uma casa de cada vez e até teu formato vai ser de uma peça de xadrez!

- Vc não tem poder suficiente pra manipular todo o jogo....

- Vc é uma peça de xadrez e vai permanecer assim e no tabuleiro vão ficar as pessoas a quem tu fez mal no passado. É contra eles que vc vai jogar!

A médium relatou que começou a ver o mago ali como o rei no tabuleiro que ele mesmo havia criado, mas ainda via pessoas próximas a mim no tabuleiro tbm, colocadas ali em desdobramento. Enviamos os encarnados desdobrados de volta para o corpo e continuamos nosso jogo com o mago.

Coloquei a médium no tabuleiro como rainha, mas haviam vários inimigos do mago no tabuleiro por conta do comando que emiti para ele jogar com pessoas a quem ele fez mal, com o formato de peças de xadrez, como peões, bispos, cavalos, etc.

O mago estava profundamente irritado pois estava preso ao tabuleiro na forma de rei, sozinho, e só podia se mover segundo as regras do xadrez, uma casa de cada vez, sendo que seus adversários estavam em maior número e avançavam sobre ele. À medida que as jogadas foram sendo feitas o rei-mago foi ficando encurralado. O rei-mago estava tentando desesperadamente sair da forma de rei, mas sem sucesso.

Finalmente, a médium-rainha fez uma jogada onde pôs o rei-mago em xeque e ele só tinha uma casa para onde podia se mover, casa essa onde ela havia criado um campo de contenção em forma de bolha. O rei-mago, mesmo a contragosto, teve que se mover para aquela casa por estar em xeque e lá ficou preso na bolha. Ele estava com muito ódio de mim e disse mentalmente à médium que ainda iríamos jogar outra partida.

Apagamos a mente do rei-mago, criamos outra bolha para colocar as outras peças fazendo os espíritos voltarem à sua forma normal, pois estavam todos com a forma de peças de xadrez. Os guardiões chegaram e levaram as bolhas com o rei-mago e os outros espíritos, enquanto o tabuleiro era destruído. Estamos aguardando a próxima partida.

Abraço.

Gelson Celistre

Nenhum comentário:

Postar um comentário